Febre Amarela: vacinação

Lembrete: prorrogada vacinação contra febre amarela, na capital paulista, até 2 de março!

 

A febre amarela é uma doença infecciosa grave, causada por vírus e transmitida por vetores.

Geralmente, quem contrai este vírus não chega a apresentar sintomas ou os mesmos são muito fracos.

As primeiras manifestações da doença são repentinas:

  • febre alta
  • calafrios
  • cansaço
  • dor de cabeça
  • dor muscular
  • náuseas e vômitos, por cerca de três dias.
  • A forma mais grave da doença é rara e costuma aparecer após um breve período de bem-estar (até dois dias), quando podem ocorrer insuficiências hepática e renal, icterícia (olhos e pele amarelados), manifestações hemorrágicas e cansaço intenso.
  • A maioria dos infectados se recupera bem e adquire imunização permanente contra a febre amarela.
  • Tomar a vacina é a maneira mais eficaz de prevenção!
    Mais informações, acesse:

http://portalms.saude.gov.br/febre-amarela

 

Importante: nem todo mundo pode tomar a vacina contra febre amarela:

Crianças menores de 9 meses de idade;

Mulheres amamentando crianças menores de 6 meses de idade;

Pessoas com alergia grave ao ovo;

Pessoas que vivem com HIV e que tem contagem de células CD4 menor que 350;

Pessoas em tratamento com quimioterapia/ radioterapia;

Pessoas portadoras de doenças autoimunes;

Pessoas submetidas a tratamento com imunossupressores (que diminuem a defesa do corpo).

Por isso, na dúvida, consulte o médico!

 

Publique aqui um comentário, dúvida ou sugestão