Coronavírus – o que é?

 

O QUE É?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus provoca uma doença chamada Covid-19.

Os primeiros casos desse novo coronavírus surgiu em dezembro de 2019 na China. E de fácil contágio ganhou rapidamente o mundo, constituindo uma pandemia, de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde).

 

SINTOMAS

Os sinais e sintomas do coronavírus são principalmente respiratórios, semelhantes a uma gripe. O problema é que em determinados grupos pode evoluir e agravar o quadro.

Os principais sintomas conhecidos até o momento são:

  • Febre.
  • Tosse.
  • Dificuldade para respirar.

– É considerada febre quando a temperatura estiver acima de 37,8°. Importante lembrar que a febre pode não estar presente em alguns casos como, por exemplo, em pacientes jovens, idosos, imunossuprimidos ou que em algumas situações possam ter utilizado medicamento antitérmico.

– Em alguns casos há relatos também de coriza e diarréia.

 

FORMAS DE TRANSMISSÃO

A contaminação, pelo que se sabe até o momento, se dá por gotículas respiratórias ou contato. Uma pessoa contaminada pode transmitir ao espirrar, tossir, falar de perto. E também ao tocar objetos contaminados e depois passar a mão em boca, nariz ou nos olhos.

 

 

 

A transmissão pode ocorrer com secreções contaminadas, como:

  • gotículas de saliva;
  • espirro;
  • tosse;
  • catarro;
  • contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão;
  • contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

 

O período médio de incubação por coronavírus é de 5 dias, com intervalos que chegam a 12 dias, período em que os primeiros sintomas levam para aparecer desde a infecção.

 

COMO É FEITO O DIAGNÓSTICO?

O diagnóstico do coronavírus é feito com a coleta de materiais respiratórios (aspiração de vias aéreas ou indução de escarro). É necessária a coleta de duas amostras na suspeita do coronavírus.

 

 

COMO TRATA?

Não existe tratamento específico para infecções causadas por coronavírus humano. Recomenda-se repouso e muita água. E algumas medidas para alívio de sintomas, como:

  • Uso de medicamento para dor e febre (antitérmicos e analgésicos).
  • Uso de umidificador no quarto ou tomar banho quente para auxiliar no alívio da dor de garanta e tosse.

Assim que os primeiros sintomas surgirem, é fundamental procurar ajuda médica imediata para confirmar diagnóstico e o isolamento.

 

COMO PREVENIR?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos ou com álcool em gel 60% a 70%.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Não compartilhar objetos pessoais (talheres, lenços etc).
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência (funciona bem com água e sabão, ou com água sanitária).
  • Evite aglomerações.

Importante:

Ainda não há tratamento específico nem vacina contra este novo coronavírus. Mas pesquisadores no mundo inteiro estão trabalhando para combatermos essa pandemia.

 

fonte: https://coronavirus.saude.gov.br

 

 

Publique aqui um comentário, dúvida ou sugestão