ESTILOOI DA LINA

Minha primeira tatuagem…

  A gente nunca esquece rs. Bem assim. Depois de muito ensaiar, um ano de espera, planejado finalmente. São muitas as dúvidas, afinal, a priori, tatuagem é para sempre (muito trabalho e muito caro para 'desfazer' a tattoo). Tinha de buscar algo que não enjoasse depois de um tempo. E que fosse significativo, a ponto de me fazer... Leia mais →
CLÍNICA GERALOI DA LINA

Reflexão sobre Alzheimer…

  Sabadão fazendo faxina! Como junto papelada e tranqueira!!! Resolvo fazer uma limpa. Jogar quase tudo fora…. Sensação boa de leveza. rs Mas, acabei encontrando um escrito antigo. Um relato que fiz após minhas primeiras entrevistas com familiares de pessoas com Alzheimer. Acabou inspirando o desfecho do primeiro... Leia mais →
OI DA LINA

Parceria empreendedora!

  A Saúde do Trabalhador é o foco. De nossa reunião, uma parceria entre ANMAT (Associação Nacional de Medicina do Trabalho) e a Faz Muito Bem - comunicação e educação em saúde, longevidade e cidadania, deve render uma ação especial voltada a incluir e incentivar a capacitação, inclusive para novas atividades, pessoas com... Leia mais →
OI DA LINA

Projeto inovador na saúde!

Muito em breve contarei detalhes aqui sobre um projeto inovador na área da saúde. Especificamente voltado à promoção da saúde integral da pessoa idosa. A ação é complexa e a meta é transformadora sob muitos aspectos. E requererá um engajamento por parte de vários elementos da cadeia da assistência à saúde. Só tenho a... Leia mais →
LONGEVIDADEOI DA LINA

Olhos de águia x Descolamento de vítreo

  Gabava-me de ter olhos de águia. Tamanha nitidez era absurda! Tanto de perto quanto de longe. Contei exatamente isso a uma amiga, num café, ontem. Ela me perguntava se era normal estar começando a ter problemas de visão por volta dos 50 anos… disse-lhe: sinto muito, mas é do processo natural da vida.   A... Leia mais →
LONGEVIDADEOI DA LINA

Envelhecimento x Deficiência

Ao fazer sacolão fim de tarde hoje (gosto de tudo quanto é fruta!) deparei-me com um episódio curioso que me leva, de novo, a pensar sobre o envelhecer e seu significado.   Estava escolhendo maçãs quando uma mulher (lá pelos seus 60 e poucos anos) - cabelo em coque, calça jeans e tênis branco - muito... Leia mais →